Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O que não mata, engorda e transforma-te num maratonista

Em novembro de 2016 era obeso. Depois comecei a correr, eduquei a minha alimentação e tornei-me maratonista. Mais tarde, tornei-me pai. Correr é uma das minhas paixões. Ser pai é outra. Corro todos os dias.

Em novembro de 2016 era obeso. Depois comecei a correr, eduquei a minha alimentação e tornei-me maratonista. Mais tarde, tornei-me pai. Correr é uma das minhas paixões. Ser pai é outra. Corro todos os dias.

O que não mata, engorda e transforma-te num maratonista

16
Jan22

Tudo uma questão de dinâmica ou de estar parado


João Silva

Já sabem o que acho dos alongamentos. São vitais para qualquer desportista e para a qualidade do nosso dia-a-dia.

No entanto, os últimos anos de investigações na área do desporto vieram retirar algum peso aos alongamentos como os conhecemos.

Ou melhor, passou a fazer-se uma distinção global entre alongamentos estáticos e dinâmicos.

Os estáticos são os que já conhecemos Esticar uma perna, um joelho ou um braço e suportar o alongamento muscular durante 10 a 30 segundos. Repetir na outra perna (ou braço).

Aqui ficam outros exemplos:

O inconveniente que se encontrou neste tipo de alongamento foi o processo de esticar demasiado o músculo. A ação de puxar ou esticar pode provocar desequilíbrios num dos lados.

Com base nisso, sugere-se cada vez mais a adoção de alongamentos dinâmicos, que mais não são do queovimentos contínuos, sequências ritmadas de determinados músculos, com o intuito de preparar o corpo para o início da atividade física (aquece mais depressa os músculos, levando-lhes mais sangue mais rapidamente).

O problema maior deste tipo de alongamento está na intensidade. Fazer alguns destes exercícios, presentes no vídeo, a um ritmo elevado e intenso pode deixar o corpo demasiado alterado, fatigado antes do treino propriamente dito. 

Já no domínio das possibilidades, outra forma de alongar dinamicamente é recorrendo ao rolo de espuma.

No primeiro vídeo que aparece nwste texto, podem ver o testemunho de alguém que já corre há muito tempo e podem ficar a conhecer o método dele.

No fundo, tal como ele, também tenho um lado que tende para os alongamentos estáticos. No final de cada treino, procuro não falhar mesmo. Vou alternando os exercícios para não danificar os músculos. Contudo, não me fico por aqui. Procuro fazer muito rolo de espuma para desanuviar os nós musculares. 

A parte mais dinâmica dos alongamentos só começou a ser adotada por mim há pouco tempo, mas nota-se logo que o corpo fica mais preparado e com menos dores depois de um treino bem duro.

10
Ago21

Alongar para melhorar


João Silva

Postura, sempre ela, uma bela companheira de qualquer corredor.

Uma boa postura é a diferença entre correr sem problemas e andar de rastos com dores nas costas e nos quadris.

Por isso mesmo, hoje trago-vos uns exercícios de alongamentos muito simples e rápidos que vos vão deixar em forma e sem lesões.

 

Por aí, alguém já faz estes alongamentos? 

13
Jul20

Alongamentos: "cá deles"?


João Silva

Começo este texto por algo que nada tem a ver com o desporto e por congratular a minha mãe, que hoje faz mais um ano.

Não é pelo facto de ser minha mãe que assim tem de ser, mas, de facto, temos uma história de grande cumplicidade até aos meus 16 anos. Depois disso, o amor manteve-se mas muitos outros fatores foram criando um certo distanciamento. Ainda assim, não é motivo (nem nunca foi) para não lhe dar os parabéns. Gosto muito dela e agradeço muito o facto de ter ficado com os (alguns dos) seus genes. Saí claramente a ganhar com isso.

Terminada esta divação, falo-vos do tema desportivo de hoje: alongamentos.

Quais alongamentos?

IMG_20190112_074919.jpg

Pois, pela boca morre o peixe. Sempre defendi e fiz alongamentos que davam para mim e para uma equipa inteira. A verdade é que isso nos faz chegar a outro patamar, sobretudo, quando o corpo precisa de "matar" o desgaste e de eliminar eventuais formações de radicais livres.

Trata-se da forma proativa mais eficaz contra lesões. 

Exato. Tudo isto é muito lindo, mas desde o início de 2020, sempre na ótica de aproveitar todo o tempo disponível para fazer exercício/treinar, comecei a cortar nas sessões de alongamentos. 

Consigo perceber claramente o enferrujamento do corpo, agora que estou em fase de retoma de treinos de corrida.

Desde o início da quarentena que não fiz alongamentos. Aliás, foram muito raros. Só no dia 30 de maio, após 20 km corridos, é que voltei a alongar a sério e foi triste ver um corpo que outrora foi funcional estar tão perro. 

A sensação que deu foi que parei de fazer exercício, a realidade é que descurei por completo este tipo de treino tão ou mais importante do que o "ativo". E fartinho que eu estou de saber isso...Quer dizer, aparentemente, faz o que eu digo, não faças o que eu faço.

 

03
Abr20

Sessão de alongamentos


João Silva

Sem querer, tropecei nos vídeos do grupo Globe-Runners.fr.

Felizmente, foi um bom tropeção. 

Partilham informação útil de forma constante e sem fim. 

Trata-se de uma espécie de manancial de boas práticas para quem corre.

Para hoje, decidi partilhar convosco uma sessão simples de alongamentos para todo o tipo de corredores: desde os de estrada aos de Trail, desde os profissionais aos amadores. 

Alguns deles já fazia antes, outros fiquei a conhecer agora. 

Não sou nenhum moralista e não procuro dar lições a ninguém, mas queria mesmo alertar para a importância dos alongamentos. 

Se pensar no meu caso, em que ando há meses a correr entre 400 e 600 km por mês, seria impensável fazê-lo, se não tivesse uma boa base de alongamentos para recuperar do esforço.

Deixo-vos o vídeo aqui:

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Redes sociais

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub