Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O que não mata, engorda e transforma-te num maratonista

Em novembro de 2016 era obeso. Depois comecei a correr, eduquei a minha alimentação e tornei-me maratonista. Mais tarde, tornei-me pai. Correr é uma das minhas paixões. Ser pai é outra. Corro todos os dias.

Em novembro de 2016 era obeso. Depois comecei a correr, eduquei a minha alimentação e tornei-me maratonista. Mais tarde, tornei-me pai. Correr é uma das minhas paixões. Ser pai é outra. Corro todos os dias.

O que não mata, engorda e transforma-te num maratonista

20
Mai21

Pé que nasce torto pode vir a endireitar


João Silva

Ainda no seguimento dos textos sobre sapatilhas e cuidados a ter, partilho com quem me lê uma particularidade da minha pessoa: em pequeno, tinha os pés tortos. A dada altura da minha infância, talvez quando comecei a andar, as pernas faziam um arco e os pés fletiam para dentro.

Ao que consta, nunca andei em tratamentos (o dinheiro era escasso) e o problema acabou por "desaparecer".

IMG_20190813_092026.jpg

Curioso ou não, isso influencia a minha postura na corrida. Ainda hoje o desgaste no calçado se verifica mais na extremidade de fora.

Não corro curvado, mas direito também não. Portanto, a forma que o meu pé tem hoje ganhou-a na infância.

Também notam diferença nos vossos pés? 

4 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Redes sociais

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub