Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O que não mata, engorda e transforma-te num maratonista

Em novembro de 2016 era obeso. Depois comecei a correr, eduquei a minha alimentação e tornei-me maratonista. Mais tarde, tornei-me pai. Correr é uma das minhas paixões. Ser pai é outra. Corro todos os dias.

Em novembro de 2016 era obeso. Depois comecei a correr, eduquei a minha alimentação e tornei-me maratonista. Mais tarde, tornei-me pai. Correr é uma das minhas paixões. Ser pai é outra. Corro todos os dias.

O que não mata, engorda e transforma-te num maratonista

08
Jul21

ARCD VENDA DA LUÍSA - POSIÇÕES ORGANIZATIVAS


João Silva

Passado o dia de aniversário desta associação do concelho de Condeixa-a-Nova, distrito de Coimbra, terminamos toda esta série de apresentações com a posição da própria face à Federação Portuguesa de Atletismo e ao estado das competições da modalidade em Portugal.

Uma vez mais, muito obrigado pela gentileza na cedência de todas estas informações transmitidas ao longo dos últimos dias.

Posição da associação:

Apesar de não estarmos alinhados em todos os aspetos com as decisões e orientações da FPA ou da ADAC, julgamos que deve ser no seu seio que as mesmas devem ser tratadas. Por isso, é nossa intenção continuarmos filiados e ajudarmos a mudar algumas coisas que julgamos que poderiam ajudar a aumentar a competitividade do trail e das provas de estrada. Os circuitos de trail distritais deveriam ser reformulados quanto à pontuação, seleção de provas e modelo competitivo para que os melhores atletas do distrito se sentissem motivados a participar neles, o que não acontece atualmente, com um grande número de provas, e nem todas com o mínimo de qualidade desejável. Algumas delas nem sequer deveriam pertencer a estes circuitos mas sim, e porque não, a um circuito de corta-mato. Para a estrada somos também defensores de um circuito que permitisse aos atletas disputarem provas com regularidade, tornando-as competitivas e que motivassem os nossos melhores atletas do distrito a participar nelas.
Ainda relativamente ao trail, principal vocação da maioria dos nossos atletas, continuaremos filiados na ATRP (Associação Trail Running Portugal) onde temos também algumas divergências de opinião quanto à orientação que está a ser seguida, mas aí, dado o universo de clubes, para já, é difícil alterar o que quer que seja.

IMG_20181118_101258.jpg

 

10 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Redes sociais

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub