Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O que não mata, engorda e transforma-te num maratonista

Em 2016 era obeso, hoje sou maratonista (6 oficiais e quase 20 meias-maratonas). A viagem segue agora com muita dedicação, meditação, foco e crença na partilha das histórias e do conhecimeto na corrida.

Em 2016 era obeso, hoje sou maratonista (6 oficiais e quase 20 meias-maratonas). A viagem segue agora com muita dedicação, meditação, foco e crença na partilha das histórias e do conhecimeto na corrida.

O que não mata, engorda e transforma-te num maratonista

Redes sociais

Palmarés da minha vida

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Baú de corridas no blogue

Em destaque no SAPO Blogs
pub
20
Abr20

Há razões para tudo


João Silva

Acho que nunca aqui falei nisso, mas foi por um mero acaso.

Como tantas vezes, começamos a escrever ou a ter um espaço nosso por uma razão.

No caso, em abril de 2019, senti definitivamente a necessidade de sistematizar todos os pensamentos e conhecimentos que vou adquirindo neste mundo do desporto.

Sem falsas modéstias, acho que tenho muito para partilhar e desafiou-me a ideia de poder chegar a várias pessoas.

Começando neste prisma, tudo o que passei desde a redução de peso e a reeducação alimentar de 2016 constituíram o ponto de partida para chegar às pessoas. Porquê? Porque acredito que as histórias reais, sem pejos nem complexos, são muito importantes para fazer com que os outros sintam que é possível.

A nível pessoal, senti isso com a questão da violência doméstica a que assisti em miúdo e adolescente (e até mesmo na idade adulta, embora já me tenha afastado desse foco perturbador da minha vida). Na altura, tinha vergonha de partilhar, achava que estava sozinho e que ninguém me compreenderia. Pior: que me colocariam de parte.

Com o tempo, percebi que a palavra e as conversas sobre estes assuntos melindrosos me podiam ajudar e que não estava sozinho.

Com base em todas estas conclusões, juntei o útil ao agradável. Adoro escrever e tenho uma história real para mostrar que é possível chegar a determinado ponto sem desvios nem atalhos manhosos. Sim, posso ter muitos defeitos (e tenho), mas este corpo nunca viu substâncias químicas nem instrumentos cirúrgicos para emagrecer.

IMG_20170114_145256.jpg

E pronto, foram estes os princípios motrizes de tudo. 

Um ano passado, muito mudou e comecei a perceber que também poderia partilhar bom conhecimento ligado ao desporto. Experimentei várias modalidades, sempre com o propósito de evoluir como atleta.

Como acredito que a partilha de conhecimento é proveitosa e não me importo em ceder as minhas fontes, cá tenho este espaço. Espero que se mantenha em pé durante muito e bom tempo.

Bem sei que o pequeno Mateus precisará mais da minha atenção durante algum tempo (o resto da minha vida), mas isso não implicará a extinção deste canto.

Redes sociais

Palmarés da minha vida

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Baú de corridas no blogue

Em destaque no SAPO Blogs
pub